Sinal de rádio extraterrestre captado por parabólicas gigantes - 06/08/2014

Sinal de rádio extraterrestre captado por parabólicas gigantes

Esta notícia eu não podia deixar de passar para vocês, já que envolve a captação de sinal vindo do espaço através das parabólicas gigantes de dois grandes observatórios do mundo, além do assunto extraterrestres, que é do interesse de quase todo mundo.

Em 2001, a parabólica gigante do observatório Parkes da Austrália, começou a captar sinais de rádio do tipo FRB, na tradução, rajadas rápidas de rádio, que não teoria não podem ser produzidas ao acaso e necessitam de algum tipo de transmissor de rádio para serem emitidas.

Houve um alarde na época de que o Observatório Parkes estava captando transmissões de rádio de vida inteligente extraterrestre, boato que foi rapidamente contido na época pois somente o Observatório Parkes conseguiu captar as tais transmissões, então, chegou-se a conclusão de que as ondas captadas pela parabólica do Parkes tratavam-se de interferência elétrica sofrida pelos equipamentos do observatório.

Daquele ano até hoje somente teorias da conspiração e caçadores de extraterrestres sustentavam a teoria de que as transmissões de FRB recebidas pelo Observatório Parks se tratavam de transmissões de rádio extraterrestres reais, um indício quase inegável de que há vida inteligente extraterreste.

Foi necessário esperar até 2013 para que houvesse uma evolução tecnológica capaz de analisar as transmissões gravadas pelo Parkes desde 2001 e se chegar a conclusão de que haviam mais quatro transmissões FRB consistentes nestas gravações.

Dissemos até hoje por que nesta semana a parabólica gigante do laboratório de Arecibo, em Porto Rico, do outro lado do mundo de onde fica o Observatório Parkes, também anunciou que esta captando transmissões de rádio FRB semelhantes às captadas na Austrália.

As ondas de rádio FRB são provenientes da uma aglomeração de corpos celestes denominada Nuvem de Magalhães.

Após o anúncio diversas cientistas passaram a usar os modelos de FRB captados pelos dois observatórios para filtrar as transmissões captadas por diversos observatórios em todo o mundo e verificar se estes também estão captando as FRB.

Novas teorias sobre a captação deste tipo de ondas de rádio já foram levantadas, mas foram colocadas como improváveis e diversos cientistas já tiveram que admitir, mesmo que constrangidos, que o mais provável é que se trate de uma transmissão de uma civilização extraterrestre proveniente do espaço.

O tipo de transmissão utilizado para produzir as FRB é bem diferente dos métodos utilizados atualmente pelos homens para fazer transmissões de rádio, desta maneira a captação das FRB é muito importante para a descoberta de vida inteligente extraterrestre pois dão um modelo de sinal de rádio com o qual os cientistas passam agora a trabalhar para buscar transmissões de rádios provenientes de outros locais do espaço.

Nesta década a comunidade científica avançou bastante na descoberta e na admissão de que existem diversos outros planetas habitáveis no universo e que é quase impossível que não haja vida inteligente no universo além da Terra.

Diversos cientistas já admitiram que está próximo o dia em que o homem fará um contato extraterrestre que se tornará público.

Fonte: http://gps.pezquiza.com/satelite/sinal-de-radio-extraterrestre-captado-por-parabolicas-gigantes/#ixzz39byiHnEI

CLUBE AZBRASIL

Comentários